Não tá fácil pra ninguém

Por Izadora Xavier

pedaço de conversa da qual eu participava ontem

– Não vai dar pra votar todas, e o que se percebe no momento é que essa vai dar problema, com o qual eles não querem se envolver agora. E a gente tem que mostrar que vai dar problema mesmo, que não é pra votar mesmo.

– Então eles querem deixar cair a 557 porque tem outras coisas que consideram mais urgentes. Especificamente, a 558.

– E sobre o que é a 558?

– A diminuição dos limites dos parques.

– Nossa…

– Pois é. Tá ruim pras feministas, pros ambientalistas tá pior ainda.

– Esse é a nossa presidenta.

6 respostas em “Não tá fácil pra ninguém

      • Exatamente – eu é um referente aberto, Rená, preenche como você quiser. É uma construção. Todo mundo estava presente na conversa, no momento em que ela é postada

  1. Uma outra conversa que li, hoje:
    – Tá fácil pro Eike Batista, pro Marcelo Crivella…
    – Mas, nem pro Messi tá fácil, bicho. Acabou de perder um pênalti contra o Chelsea.
    – Cristina Kirchner deveria nacionalizá-lo também, pra melhorar o rendimento.

    • Na verdade, eu li algum tuíter humorístico que quem devia nacionalizar o Messi era a Espanha, em represália. Tou dizendo que não tá fácil pra ninguém, bicho.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s